É preciso uma Aldeia

A proximidade ao mar e muitos séculos de tradição converteram as aldeias islandesas em locais onde o conhecimento da pesca foi preservado na memória coletiva dos habitantes. Os métodos de preparação foram repassados e aprimorados, de pais para filhos, ao longo do tempo, com a participação das várias gerações, uma após a outra, na produção de bacalhau de qualidade para as pessoas do sul da Europa e outros mercados distantes.

A ambição permanece sempre igual: fornecer às pessoas o melhor produto possível, ou seja, o bacalhau capturado nas águas límpidas que circundam a ilha e produzido com cuidado e respeito tanto pela natureza como pelos consumidores. Porque é precisa uma aldeia inteira para produzir bacalhau salgado de qualidade.

Para saber mais sobre este segredo, siga-nos no Facebook

La vita è baccalà

A aldeia

Por gerações, as pessoas das aldeias de pescadores islandesas trabalharam juntas para criar esta iguaria que é o bacalhau salgado islandês e tem feito parte da tradição e das reuniões sociais.

O trabalhador

Com a passagem dos anos, homens e mulheres das aldeias piscatórias islandesas desenvolveram diferentes formas de produzir bacalhau de qualidade para a Espanha.

Bacalhau Afins na islândia

Os chefs Diogo Pires e Roberto Almeida conhecem em primeira mão o segredo e a qualidade do bacalhau islandês.

É preciso uma Aldeia

O bacalhau sempre foi a estrela da pesca islandesa e existem muitos pratos clássicos que são feitos a partir dele. O que é que eles têm em comum? Sim, um filete de peixe excecional! Mas haverá algo mais…